2007-07-13

D.I:Y. de Grande Formato

kirby45

Grande formato, especialmente o 4x5", é algo em que gostava de me aventurar. Cada vez que olho para imagens produzidas neste formato, especialmente as Polaroids, fico entusiasmado com a ideia de poder experimentar.

Uma das opções, e viável, é a construção de cameras de grande formato. Há designs muito simples e eficientes, que permitem uma grande variedade de movimentos. Geralmente a única peça que tem de ser adquirido é a lente e por vezes o fole e os backs.

Neste momento estou a ponderar seriamente me aventurar neste tipo de "puzzle". Já tenho um back de Polaroid 3-1/4" x 4-1/4" que usei para fazer o pinhole para Polaroids de médio formato. Este back é efectivamente para ser usado em maquinas 4x5" - adapta-se á maquina, mas usa papel num formato ligeiramente menor.

Pela web, há muita informação sobre a construção deste tpo de máquinas. Há inclusive kits comerciais, nomeadamente o da Bender e o Bulldog (disponível no site da lomography por menos de €300). Mas construir, apesar de ser um processo relativamente demorado, sempre torna o mecanismo mais pessoal.

Anyway, o que queria realmente apresentar neste post é o site produzido por Rayment Kirby, dedicado à construção de máquinas de grande formato. É, sem dúvida, a melhor apresentação que já vi num site deste género, e o texto tem muita informação útil que deve ser lida com atenção, por quem pretender realizar algo do género.

Outra fonte importantíssima de informação é o site do Jon Grepstad com uma enorme quantidade de informação e links.

3 comments:

MN said...

Interessante essa "Bulldog"; no entanto, parece-me que o back não tem movimentos... ?

Quanto ao site do Kirby, já por lá tinha passado. A dificuldade poderá estar em adquirir/construir as ferragens.

Outra ideia que tenho discutido com alguns amigos (comuns?) será a da 4x5 "point and shoot", ou seja, uma grande formato em que a distância da lente ao back está calculada para colocar o focus na hiperfocal, para a abertura "óptima" da lente. Assim, sai uma máquina sem movimentos mas compacta e de alta qualidade... ;)

MytyMyky said...

Oi Mário, brigado pelo comment.

Pelo que vejo na imagem, realmente o back não tem movimento. os únicos que parecem possíveis são tilt e shift no elemento frontal. É a tal coisa - lomo = simples. Mesmo assim, já é uma maquina a considerar pela simplicidade de montagem e o baixo custo relativo. E nem é feio nem nada.

No entanto estou a pensar num design de monorail. Parece-me MUITO mais simples de construir, e mais simples de obetr as peças. Com madeiras ainda me safo mais ou menos, mas com metal é de esquecer; - portanto as ferragens vão ser problematicas.

O design monorail tem como problema principal a dimensão da maquina, q ao contrario das field cameras, é bastante maior. Por outro lado é mais modular o q pode ser uma grande vantagem na transição para outros formatos.

Nas pesquisas q andei a fazer no sábado, vi a "Mikoneka" que me parece excelente a nível de design (e muito bonita, sem dúvida). (http://gamma.nic.fi/~mikoneka/).
A "Alnus" (http://www.aplac.hut.fi/staff/sakari/alnus45.html)tb me parece muito bonita. E simples :D

Felizmente que agora há IZIs e Akis e afins. Ainda não estão tão completos como o Home Depot lá nos states, mas mas já há muita coisa. E não há nada como chegar e mexer ( e demorar o tempo que se quiser) e escolher!

Agora resta orientar uma lente. Como quer algo mais para o retrato, estou a ver se encontro uma 210mm. Recomeça a aventura dos Ebays; uma foi perdida ontem no momento de sniping.. típico.

Agora essa da Point and shoot... realmente n me tinha ocorrido! Acho que mais simples que isso será impossível! Se alguma vez avançares(em) com isso avisa! Ou blogga sobre o assunto.

MN said...

As monorail não me agradam pela dimensão, como referiste. Gosto bastante de fazer caminhadas e montanhismo, e espero conseguir juntar estes dois hobbies. Mas numa longa distância tanto o peso como o volume tornam-se limitativos...